sábado, 5 de fevereiro de 2011

Lendas e Pulhas Virtuais (hoax): Água Oxigenada.

Prolifera pela Internet um boato segundo o qual a água oxigenada seria um produto desinfetante e curativo milagroso, cujas fabulosas propriedades só não são divulgadas por força dos interesses de empresas farmacêuticas e fabricantes de desinfetantes domésticos. Há, inclusive um site assinado pela própria Unimed que, de maneira incauta e desinformada, patrocina essa fábula (clique e veja).

Confesso que na primeira vez que vi a matéria, quase me deixei seduzir. Porém, depois de analisar o estilo de linguagem, além de outros aspectos técnicos da publicação, me convenci de que não passa de mais um hoax (pulha virtual), sem qualquer fundamento, conforme demonstro a seguir.

Dentre as 06 (seis) características básicas que identificam as pulhas virtuais, conforme eu comento em outra página do meu Blog (AQUI), encontrei 05 (cinco) dessas características, veja:


1) Anunciam um achado fabuloso, genial e inédito, com abundantes apelos de caráter excepcional, magnífico e fenomenal!...
2) Usam um tom sensacionalista ou dramático, na tentativa de seduzir o leitor;
3) Não identificam ou mal identificam o autor da mensagem
Obs.: A Mon Ville Alimentação, citada como autora da mensagem, não tem qualquer relação com a natureza do assunto! Trata-se  de um restaurante industrial, sediado em São Paulo, cuja atividade é apenas fornecimento de marmitas e alimentação industrial, e que não possui nenhum departamento, subsidiária ou filial ligada ao ramo químico ou farmacêutico.
4) Tenta demonstrar credibilidade e legitimidade se referindo a leis ou termos científicos
Obs.: Algumas versões dessa mensagem trata a água oxigenada como Peróxido de Hidrogênio, que é a substância H2O2, ou seja, água oxigenada pura, altamente tóxica ao organismo humano;
5) Apelo para que seja repassada ao maior número de pessoas.


Além do mais, tratam o fato como se fosse possível impor uma ditadura do interesse econômico de poucos, de modo a anular o óbvio, mesmo que esse óbvio seja de interesse de toda a população mundial!


Embora nenhum dos sites especializados em desmascarar pulhas virtuais tenham abordado o assunto até o momento, eu identifiquei elementos que revelam se tratar de mero boato, sem qualquer fundamento e, além de tudo, altamente nocivo, como demonstro a seguir.


Incialmente, vejamos alguns comentários e argumentos colhidos em debates virtuais sobre o assunto:


1) A água oxigenada serve para limpar, mas da mesma forma que a água comum;

2) Ao contrário do que dizem, a água oxigenada dificulta a cicatrização, pois fragiliza o tecido da pele e o uso repetido e prolongado pode chegar a dissolver o tecido cutâneo pela oxidação e corrosão do mesmo;

3) A água oxigenada apenas mata bactérias anaeróbias, da mesma forma que o oxigênio do ar! Nada mais.


4) Apenas bactérias anaeróbicas, que são poucas dentre as mais nocivas, tais como a Clostridium Tetani, causadora do Tétano, são sensíveis à água oxigenada;


5) O efervescer que ocorre durante a aplicação da água oxigenada é tão somente a liberação oxigênio, uma vez que o peróxido de hidrogênio (água oxigenada) é altamente volátil e se decompõe no ambiente segundo a equação H2O2 -> H2O + 1/2 O2.


6) O Peróxido de Hidrogênio (água oxigenada concentrada) é altamente tóxico e corrosivo! Por isso as células do organismo humano possuem organelas chamadas peroxissomos especializadas em dissociar peróxido de hidrogênio (água oxigenada) para que ele não entre em contato com os tecidos e os destrua.




E, MAIS IMPORTANTE:


A IQBC – Produtos Químicos, uma das maiores empresas do ramo de produtos químicos do Brasil, publica o documento Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos sobre o Peróxido de Hidrogênio (água oxigenada pura), no qual constam as seguintes informações:



3. IDENTIFICAÇÃO DE PERIGOS


• Produto classificado como perigoso conforme resolução 420 de 12 de fevereiro de 2004 da Agência Nacional de Transportes Terrestres (D.O.U. 31 de maio de 2004).


• Efeitos tóxicos principalmente ligados às propriedades corrosivas.


• Não combustível, mas favorece a combustão de outras substâncias e causa reações violentas e, às vezes, explosivas.


4. MEDIDAS DE PRIMEIROS SOCORROS


Inalação:


• Remover a vítima da área contaminada.
• Consultar um médico em caso de sintomas respiratórios.


Contato com os olhos:


• Sem perda de tempo, lavar os olhos com água corrente durante 15 minutos, mantendo as pálpebras bem afastadas.
• Administrar um colírio analgésico (oxibuprocaína) em caso de dificuldade de abertura das pálpebras.
• Oftalmologista com urgência em todos os casos.


Contato com a pele:


• Retirar o calçado, as meias e a roupa contaminada, sob o chuveiro se necessário, e lavar a pele atingida com água corrente.
• Manter a vítima aquecida, cobrindo-a. Providenciar roupas limpas.
• Consultar um Médico em todos os casos.


Ingestão
Recomendações Gerais:


• Médico com urgência em todos os casos.
• Prever a transferência para um centro hospitalar.


Vítima consciente:


• Fazer lavar a boca e beber água fresca.
• Não induzir o vômito.



Vítima inconsciente:


• Ações clássicas de reanimação.
• Afrouxar o colarinho e roupas e deitá-la sobre o próprio lado esquerdo, em posição lateral.
• Reanimação respiratória ou oxigênio, se necessário.
• Mantenha a vítima aquecida, cobrindo-a.
• Nunca dê nada pela boca a uma pessoa inconsciente.



EFEITOS PARA A SAÚDE


Efeitos principais:
• Corrosivo para as mucosas, os olhos e a pele.
• A gravidade das lesões e o prognóstico da intoxicação dependem diretamente da concentração do produto e da duração da exposição.



Inalação:
• Irritação do nariz e da garganta.
• Tosse.
• No caso de exposições repetidas ou prolongadas: risco de dor de garganta, de perda de sangue pelo nariz, de bronquite crônica.


Contato com os olhos:
• Irritação intensa, lacrimejo, vermelhidão dos olhos e edema das pálpebras.
• Risco de lesões graves ou permanentes do olho.


Contato com a pele:
• Irritação e branqueamento passageiro na zona de contato.
• Risco de queimaduras.


Ingestão:
• Face pálida e cianozada.
• Irritação intensa, risco de queimaduras, de perfuração digestiva com estado de choque.
• Abundantes secreções da boca e do nariz, com risco de sufocação.
• Risco de edema da garganta, com sufocação.
• Tumefação do estômago, eruptações (arrotos).
• Náuseas e vômitos ensangüentados.
• Tosse.
• Risco de broncopneumonia química por aspiração do produto para as vias respiratórias.




(Veja inteiro ter do documento da IQBC AQUI)


Clique e Leia Mais Sobre o Assunto:
1) Matéria Geral dsobre Hoax (de Márcio Almeida)
2) Blog da Jornalista Valéria Amoris
3) Alertas e Orientação do Site Quaro Cantos.

 


5 comentários:

Anônimo disse...

Márcio vc não falou sobre concentração da água oxigenada. A de 40 vol é bem agressiva a pele e outros orgãos. A de 10 vol eu uso para cicatrizar machucados e é fantástica, cura muito rápido, mais que a aloe vera. É muito importante sabermos que dependendo da concentração a água oxigenada vária sua indicação de uso, tem até a usada para dourar pelos. Seria interessante talvez completar os dados e entender tb os benefícios da água oxigenada, muito usada para limpeza de áreas infectadas, inclusive em hospitais.

Anônimo disse...

Olá Márcio, tudo bem?
Então essas informações não estão erradas não. O único problema é a concentração, acima de 30 volumes é perigoso sim, mas de 20 e 10 não é.
A de 10 volumes pode ser encontrada em farmácias, o interessante é que utilizo para matar fungos no pé, fungos de unha para ser mais exato e funciona muito bem. O de 20 volumes é muito utilizado em hospitais. A água oxigenada na concentração de 10 volumes não tem perigo. Provavelmente essas informações devem ser para a água oxigenada por concentração maior de 20 volumes.

Anônimo disse...

Estava sentindo tontura todo dia, fiz até três exames do coração ( dois eletrocardiogramas e um ecocardiograma indicado pelo médico e não acusou nada) e sempre tive dores de cabeças diárias, ouvi dizer que o consumo diário de 10 gotas diluída em meio copo de água de água oxigenada 10 volumes, aquela transparente era indicada para curar tonturas de labirintite, comecei a usar e nunca mais tive tonturas e até as dores de cabeça sumiram.

gladis rech disse...

aplique agua oxigenda 10 vol nos olhos em seguida lavei com agua nao tive nem um sintoma desagradavel isso fazem 05 dias sera q vc tem razao no texto q escreveu.......????????

Márcia de Oliveira disse...

Recentemente tive um problema dentário e o dentista indicou muitos bochechos com água oxigenada 10 volumes. Ele orientou a medida de uma para dois de água potável. Foi ótimo. Acredito, como nos comentários anteriores ao meu, que falta esclarecer sobre o volume do produto. Mas vc tem razão. Tem muitas besteiras circulando na internet.